Viagem

Informações de saúde para viajantes no Peru

Histórias horríveis sobre a Vingança de Montezuma assombram qualquer visitante à América central ou do sul. Com um pouco de precaução, no entanto, você consegue evitar problemas estomacais que tornariam a sua viagem ao Peru um pesadelo.

Informações de saúde para viajantes no Peru

É seguro beber água da torneira no Peru?

Água da torneira no Peru, e basicamente em qualquer país da América do Sul, não é segura de se beber. A maioria das famílias fervem a água para purificá-la e só então mantém uma garrafa ou pote de água limpa disponível na estufa ou na geladeira. Se você for ferver a sua água, muitos sites de viagens recomendam que você deixe a água ferver por cinco minutos antes de deixar esfriar. Embora este método visa te assegurar de todas as formas possíveis e matar 100% das bactérias e parasitas, isso não é verdadeiramente necessário. Uma vez que sua água tenha fervido, ela já se torna segura para beber e você não precisa deixar fervendo por mais cinco minutos, especialmente se estiver acampando e precisa preservar gás. Se você não quer ferver a água ou não possui um fogão, você pode usar tabletes ou gotas de cloro para purificar a sua água. Pegue um pouco na loja de camping antes de ir, ou ache uma loja de artigos de aventura quando chegar no Peru.

Você pode usar água da torneira para escovar os dentes no Peru?

Muitas pessoas se preocupam com escovar os dentes com água da torneira no Peru. A escolha de escovar com água da torneira ou de garrafa vem do seu próprio corpo e do que você se sente confortável fazendo. Muitas pessoas usam água da torneira para escovar os dentes. Eles cospem a água e não a bebem. Mesmo que você não beba a água, é impossível não deixar nenhum resíduo na boca e você acaba ingerindo uma pequena quantidade de água não purificada desta maneira. Aqueles que continuam a usar a água da torneira para escovar os dentes obviamente não ficam doentes por esta pequena exposição. Alguns outros são criteriosos quando a evitar contato com água não potável e utilizam apenas água de garrafa para escovar os dentes. Se é a sua primeira vez na América do Sul e você não sabe como o seu corpo reagirá, a água de garrafa provavelmente é uma aposta mais segura. Especialmente se você só for ficar lá por uma semana ou duas. Você não quer passar alguns poucos dias vomitando as tripas se estes poucos dias significam metade da sua viagem. Se você for ficar no Peru por um período maior de tempo e quiser experimentar, tente escovar com água da torneira mas fique preparado para sofrer as consequências se o seu corpo reagir mal. No entanto, grandes são as chances de você reagir perfeitamente bem.

Coma com segurança

O verdadeiro perigo para o seu estômago vem da comida. A maioria dos restaurantes de alta qualidade do Peru, especialmente os turísticos, aderem a um padrão de limpeza muito alto e você não deve ter problemas com a comida que eles servem. Opções mais econômicas, lugares menos turísticos e especialmente restaurantes de feiras e vendedores de rua são os lugares que você deve prestar mais atenção. Isso não significa que você não deve comer lá. Significa apenas que você precisa saber o que você pode comer e o que você provavelmente não deve comer se não tiver uma garrafa de Pepto-Bismol te esperando em casa e acesso irrestrito ao banheiro.

Em restaurantes de qualidade duvidosa, você precisa estar atento para saladas frescas, frutas frescas e gelo. Isto é porque saladas e frutas frescas podem não ter sido lavadas ou terem sido lavadas com água impura, ou podem ainda ter bactérias se elas não foram lavadas apropriadamente. Se você estiver preocupado, ou não coma/beba, ou peça educadamente ao garçom para que eles utilizem água potável ou água de garrafa para limpar os produtos e fazer gelo. Em restaurantes menores, procure também por talheres, copos e pratos sujos. Não é considerado nem um pouco rude pedir que troquem itens sujos. Se o seu talher chegar molhado até você, seque com um guardanapo antes de usar.

Comida de Rua

Quando se trata de vendedores de rua, a decisão é sua. A maioria da comida típica que você encontra para vender na rua é realmente deliciosa e unicamente peruana. Por outro lado, é também a mais perigosa em termos de saúde. Se você estiver fazendo uma visita breve, talvez seja melhor pular os vendedores de rua. Se você for ficar por mais tempo e o seu estômago tiver a chance de se ajustar, uma prova cuidadosa provavelmente não causará muitos danos. Em geral, no entanto, carne comprada na rua não é uma boa opção. É provável que ela tenha ficado do lado de fora o dia todo, sujeita ao calor e a insetos, antes de ser preparada em uma grelha ao ar livre. Sucos de fruta e outras bebidas são deliciosas e a vontade por elas é muita após uma longa caminhada pelas ruas da cidade, mas isso pode te colocar em contato com água não purificada de uma forma ou de outra. Se divirta, mas use o seu próprio julgamento!

Diarreia de viajante

Se você ficar doente, Pepto-Bismol será o seu melhor amigo. Lembre-se de beber bastante líquido (limpo), já que é fácil se desidratar se você ficar com diarreia. Se você não melhorar em alguns dias, é recomendável buscar ajuda profissional. Há hospitais e clínicas públicas e privadas. Peça por recomendação quanto à melhor clínica de saúde privada da área. Será mais caro que a clínica pública, mas você receberá um serviço bem melhor. A sua saúde não é algo a se brincar.