Trabalho no Peru | Dos Manos Peru Viagens


Trabalho no Peru

Vistos de trabalho temporários no Peru


Se você planeja vir ao Peru para uma viagem de trabalho, ou se mudar para o Peru temporariamente devido a propostas de trabalho, você precisará obter um visto de trabalho temporário ou um visto de negócios. O tempo máximo de um visto de negócios é de 90 dias e não pode ser estendido. Um visto de trabalho temporário pode ser usado por 90 dias e então estendido por até um ano. Obter um visto de negócios é especialmente importante caso você planeje assinar contratos ou outros documentos oficiais no Peru.

Work - Peru - Visa

Cartão de Residência - Carnet de Extranjería


Se você planeja se mudar para o Peru para trabalhar e possui um contrato de trabalho de pelo menos um ano com o seu empregador no Peru, então considere se submeter a um cartão de Residência. Na maioria das vezes, as pessoas entram com um visto de turismo e processam seu pedido de residência quando já estão no Peru.

Você não precisa requisitar um visto de turismo – ele é um carimbo que é posto no seu passaporte quando você passa pela fronteira em Lima ou quando você entra no Peru de carro ou ônibus vindo de um país vizinho. A duração máxima de um visto de turismo é de 183 dias por ano.

Uma vez no Peru, você precisará fazer várias viagens até a Migração para requisitar um visto de trabalho válido por um ano. Seu visto é chamado de Carnet Extranjería e pode ser renovado todo ano por uma taxa, caso você esteja empregado no Peru.

Ter o Cartão possui algumas vantagens, como entradas grátis para algumas ruínas Inca e outras atrações turísticas em Cusco, já que você é considerado um residente do Peru e não um turista.

Clique aqui para mais informações sobre como obter um visto de trabalho ou negócios.

É possível trabalhar no Peru com um visto de turismo?


A resposta curta é sim. Muitos estrangeiros entram no país com um visto de turismo e encontram trabalhos em restaurantes, bares, hostels ou escolas privadas de inglês. Eles são pagos informalmente em dinheiro, ou recebem pagamento direto de estudantes em dinheiro. A não ser que seu empregador esteja sendo investigado pela polícia, há uma grande chance de você nunca ser descoberto.

No passado, muitos estrangeiros ficaram no Peru, as vezes por anos, saindo e voltando ao país e renovando o visto de turismo continuamente.

No entanto recentemente o Peru tem feito esforços para evitar trabalhadores ilegais no país. Não é mais possível ficar mais que 183 dias no Peru como turista por ano, e a taxa por permanecer mais tempo como turista aumentou.

Se você planeja ficar mais do que metade de um ano no Peru trabalhando ou se engajando em outro projeto, é aconselhável requisitar um Carnet Extranjería ou um visto de trabalho temporário.