Destinos

Linhas de Nazca

História de Nazca

A cidade de Nazca fica na costa sul do Peru. A cidade recebe este nome devido à cultura Nazca, que ocupou o local no período entre 100 AC – 800 DC, sendo responsáveis por construir aquedutos subterrâneos que são usados até hoje, além das linhas de Nazca.

Datadas entre 400 / 650 DC, as Linhas de Nazca são composta de mais de 800 linhas retas, 300 figuras geométricas (geoglifos) como retângulos, espirais e triângulos, e 70 desenhos de animais e plantas (biomorfos) incluindo um macaco, uma aranha, uma árvore, mãos e vários tipos de pássaros. As linhas foram feitas removendo as pedras acobreadas escuras que cobrem o deserto de Nazca, exibindo o solo de cor clara por baixo. As linhas tem apenas 10-15 cm de profundidade, no entanto o clima árido e sem vento do deserto as mantém bem preservadas.

Descobrir como as linhas foram feitas foi mais fácil do que determinar a razão de sua confecção, o que permanece um mistério até hoje. Uma teoria é a de que Nazca criou as linhas para que seus deuses pudessem vê-las. Outra história nos diz que as linhas apontam para pontos do horizonte onde o sol e outros corpos celestiais nascem durante os solstícios, e outra hipótese é a de que as linhas representam constelações estrelares.

Paul Kosok, um historiador da Universidade de Long Island nos Estados Unidos, foi a primeira pessoa a estudar de forma séria as linhas, sendo acompanhado mais tarde pela matemática e arqueologista alemã Maria Reiche, que ajudou a trazer reconhecimento e preservação para as linhas. As Linhas de Nazca foram declaradas como patrimônio da humanidade pela UNESCO em 1995.

História de Nazca

Localização de Nazca

Nazca é a capital da província de Nazca no distrito Ica do Peru. Fica na região da costa sul, cerca de 380 km ao sul de Lima e 350 km a sudoeste de Cusco. Nazca é um dos locais mais secos da terra, com uma taxa de chuva anual de apenas 4mm. As temperaturas variam entre 10° e 32° C, com uma média diária de 21° C, então não esqueça do protetor solar, dos óculos de sol e do chapéu porque é difícil achar uma sombra por lá!

Visite as linhas de Nazca

A melhor maneira de visualizar as majestosas linhas de Nazca é pelo céu. Aviões pequenos, com três a cinco acentos, te levam sob as linhas em um voo de 30-40 minutos. Todos os voos partem do aeroporto Maria Reiche, cerca de 30 minutos distante da cidade. Caso voar não seja a sua praia, você pode ir de ônibus até a torre de observação na rodovia Panamericana, ou ir de táxi até os pontos de observação naturais nos vales próximos, mas desta maneira você será capaz de ver apenas algumas das linhas.

Visite as linhas de Nazca

Chegando Lá

Os ônibus saem de Lima para Nazca durante o dia e a noite; é uma viagem de 6-8 horas. Há também ônibus noturnos saindo de Arequipa (9h de viagem) e de Cusco (14h de viagem). Atrasos podem ocorrer durante a estação chuvosa. A visita a Nazca dura normalmente meio dia, então você pode considerar visitar também as cidades de Ica, Pisco ou Paracas, que oferecem sandboarding, passeios em um buggy de areia, degustações de vinho, praias, as ilhas Ballestas (chamadas de “os Galapagos do pobre homem”) e a Reserva Nacional de Paracas.

Visite as linhas de Nazca

Mapa

Mapa linhas de Nazca

Passeios Recomendados:

Linhas de Nazca
Linhas de Nazca

O povo de Nazca deixou para trás um dos legados mais surpreendentes das culturas antigas do Peru - as Linhas de Nazca. Um planalto elevado...
Ilhas Ballestas
Ilhas Ballestas

Apesar da paisagem árida desta área do Peru, o litoral da península de Paracas e o entorno das Ilhas Ballestas são o paraíso da vida...
Sandboarding no Oásis de Huacachina
Sandboarding no Oásis de Huacachina
Huacachina é um oásis no deserto, perto do litoral sul do Peru. Se você chegar em Ica de ônibus, levará apenas 15 minutos de carro...