Dos Manos Peru
Destinations
Skype Online
Livre o skype vy da chamada

info.dosmanos
 Início > Informação sobre Perú > História

HISTÓRIA

Peru History

HISTÓRIA

Os primeiros habitantes de Peru eram coletores-caçadores nômades que moravam em cavernas nas regiões costeiras. O local mais antigo, a caverna Pikimachay, data de 12,000 AC. Colheitas como algodão, feijão, abóbora e pimentas eram plantadas por volta de 4000 AC; culturas avançadas como o Chavín introduziram tecelagem, agricultura e religião ao país. Por volta de 300 AC, a cultura Chavín desapareceu inexplicavelmente, mas ao longo dos séculos, várias outras culturas - inclusive Salinar, Nazca, Necrópole de Paracas e Wari (Huari) – se tornaram importantes no local. No início do 15º século, o império inca controlava a maior parte da área, estendendo a sua influência do Equador ao Chile.

Entre 1526 e 1528, o conquistador espanhol Francisco Pizarro explorou as regiões costeiras do Peru e, atraído pelas riquezas do império inca, voltou à Espanha para levantar dinheiro e recrutar homens para outra expedição para o país. Ele voltou e, marchando para Cajamarca, no norte do Peru, capturou, pediu resgate e executou o imperador inca Atahualpa em 1533. Posteriormente, Pizarro fundou a cidade de Lima em 1535, tendo sido assassinado seis anos mais tarde. A rebelião do último líder inca, Manco Inca, terminou sem glória com a sua decapitação em 1572.

Os 200 anos que se seguiram foram calmos, e Lima se tornou o mais importante centro político, social e comercial das nações andinas. Porém, a exploração dos índios por parte de seus mestres coloniais levou a uma insurreição em 1780 liderada pelo auto-intitulado inca Tupac Amaru II. A rebelião durou pouco e a maioria dos líderes foi presa e foi executada. O Peru continuou sob o domínio espanhol até 1824, quando o país foi liberado pelo venezuelano Simón Bolívar e pelo argentino José de San Martín. Em 1866, o Peru ganhou uma breve guerra contra a Espanha, mas foi humilhado pelo Chile na Guerra do Pacífico (1879-83) que resultou na perda de lucrativos campos de nitrato no deserto de Atacama, ao norte. O Peru também entrou em guerra contra o Equador devido a uma disputa fronteiriça em 1941. O tratado do Rio de Janeiro, de 1942, cedeu o norte de área do Río Marañón para o Peru, mas a decisão foi contestada duramente pelo Equador.

Insurreições de guerrilha inspiradas nas cubanas em 1965 conduzidas pelo Exército de Liberação Nacional foram malsucedidas, mas uma série de greves de âmbito nacional em conjunto com guerrilhas feitas pelo Sendero Luminoso Maoísta, causaram instabilidade política nos anos oitenta. Um outro grupo de guerrilha – o Movimento Revolucionário Tupac Amaru (MRTA) - também ganhou força nessa época. Porém, a vitória da eleição presidencial em 1990 de Alberto Fujimori (erroneamente chamado de “El Chino” devido à sua descendência japonesa) sobre o romancista peruano Mario Vargas Llosa, e a captura em 1992 dos líderes que inspiraram o Sendero Luminoso e o MRTA trouxeram esperanças de um período contínuo de paz.

A principal ameaça contra a estabilidade nacional permanece sendo o desemprego e a pobreza, apesar da economia do Peru estar crescendo rapidamente. Fujimori foi reeleito em abril de 1995, vencendo com ampla margem o ex-secretário geral da ONU, Javier Pérez de Cuellar. Um tratado foi assinado com o Equador em 1998, resolvendo pacificamente uma disputa de 57 anos pela fronteira, solidificando as bases para um aumento de investimento estrangeiro nos dois países. Em novembro de 1999, Peru e Chile resolveram a longa disputa territorial existente há muito relativa ao importante gargalo comercial de Arica.

O mundo acompanhou as eleições de abril de 2000, quando Alejandro Toledo, um índio andino de uma família pobre, que se tornou um economista de um grande Banco, concorreu com o reeleito Presidente Alberto Fujimori. Uma semana antes do país ir às votações pela segunda vez, Toledo apresentou uma carta formal ao Quadro de Diretores de Eleição Nacional alertando quanto a práticas de corrupção na eleição, uma ação que acarretou uma resposta da Organização de Estados americanos (OAS). Ela anunciava que o Escritório de Eleição Nacional precisaria de mais tempo para corrigir 'deficiências’ no processo de votação. Toledo instruiu a seus seguidores para que escrevessem 'Não a Fraude' nas cédulas e no final retirou sua candidatura.

Fujimori saiu vitorioso de uma eleição controversa e manipulada. Porém, abdicou o seu terceiro mandato presidencial em novembro e fugiu para o Japão acusado de violações contra os direitos humanos e corrupção que foram feitas contra o seu conselheiro de inteligência, Vladimiro Montesinos. Alejandro Toledo é o atual Presidente.

Noticias Peru


El color índigo se remontaría a hace 6.000 años en Perú

(26 September, 2016)

El color índigo se remontaría a hace 6.000 años en Perú El origen del color índigo, o añil, se...

Google publica ‘doodle’ a Yma Sumac

(16 September, 2016)

Google publica ‘doodle’ a Yma Sumac Al recordarse los 94 años del nacimiento de la diva del canto y...

Nuevos hallazgos en sitio arqueológico Vichama

(31 August, 2016)

Nuevos hallazgos en sitio arqueológico Vichama Por el noveno aniversario del inicio de los...

Weather Information
Click for Cuzco, Peru Forecast
Share This
Facebook
Twitter
Google+
LinkedIn
Share:
Follow us on: